Daredevil: Born Again despede os principais guionistas! Séries Marvel vão mudar.

daredevil

Os planos para Daredevil: Born Again mudaram radicalmente.

De acordo com um novo comunicado de imprensa da The Hollywood Reporter, a produção de Daredevil: Born Again foi reiniciada após o encerramento devido às greves dos sindicatos WGA e SAGFTRA. É de notar que menos de metade dos 18 episódios da série foram filmados, mas o resultado fez com que o diretor da Marvel Studios, Kevin Feige, sentisse que a série “não estava a funcionar”. Isto levou ao despedimento silencioso dos argumentistas principais Chris Ord e Matt Corman, enquanto os realizadores a bordo para os restantes episódios também foram despedidos. Desde então, iniciou-se a procura de novos argumentistas e realizadores.

O artigo afirma que os executivos do Disney+ também estão a tentar mudar a forma como abordam as séries desenvolvidas para o Universo Cinematográfico da Marvel, dado o declínio da aclamação e da audiência destas séries, como foi o caso de Invasão Secreta, que não agradou aos críticos.

O Disney+ vai passar a desenvolver conteúdos televisivos de uma forma mais “tradicional”. O responsável pelo streaming, televisão e animação da Marvel, Brad Winderbaum, afirmou:

“Estamos a tentar casar a cultura Marvel com a cultura televisiva tradicional. A questão é: ‘Como podemos contar histórias na televisão que honrem o que há de tão bom no material de origem?

Porque é que o Daredevil: Born Again foi reformulado?

daredevil

Também foram revelados pormenores sobre o motivo pelo qual Daredevil: Born Again está a ser alvo de um reboot criativo a meio da produção. Ord e Corman desenvolveram uma série que era um drama jurídico e a questão era que se sentia muito afastada da série de três temporadas do Daredevil lançado na Netflix, que era cheia de ação.

Consta que Charlie Cox nem sequer envergou o fato do Daredevil até ao quarto episódio, o que parece ter deixado a Marvel Studios com a sensação de que Born Again não era suficientemente excitante nesta forma.

Embora a Marvel vá “manter algumas cenas e episódios”, muito do que foi filmado pode acabar por ser eliminado com outros elementos de produção em série acrescentados. Ord e Corman também continuam a bordo como produtores executivos. O artigo também se refere a Daredevil: Born Again como uma série de duas temporadas, então há planos aparentes para manter o programa em andamento pelo menos por mais uma temporada, apesar destes problemas nos bastidores.

Entretanto, este novo plano para os programas da Marvel implicará também a contratação de showrunners, a criação de bibliografias sobre as séries e a realização de episódios-piloto para avaliar melhor o potencial de uma série antes de encomendar temporadas completas.

Daredevil: Born Again não deverá chegar antes de janeiro de 2025, mas ainda não foi definida uma data de estreia oficial no Disney+.

YouTube

DR. DOOM EM DEADPOOL 3? - Reação e 1º Análise ao trailer de Deadpool & Wolverine


Se quiseres falar sobre qualquer coisa geek, podes falar comigo, através do twitter ou Instagram ou Facebook do Tretas do Cromo, sobre isto ou qualquer coisa sobre a DC, Marvel, Star Wars, The Witcher e mais temas geeks.

Youtube

Espreita também o Canal Youtube do Tretas do Cromo, e não percas nenhuma análise ou notícia sobre tudo que envolve o mundo geek.

Considera apoiar o jornalismo presente no site

Considera apoiar o trabalho feito no site, para que possa trazer mais conteúdo e de melhor qualidade, cada vez mais. Espreita uma das seguintes opções:

Obrigado pelo apoio.

SenhorPM

Geek a tempo inteiro, PM é o fundador do projeto Tretas do Cromo. Podes segui-lo no Instagram em @senhor_pm, no twitter em @senhor_pm ou no facebook em @senhorpm.

Deixe um comentário