Gina Carano processa Disney! Quer voltar a Mandalorian

cara dune gina carano mandalorian

Três anos depois de ter sido afastada do seu papel de Cara Dune em The Mandalorian, Gina Carano vai levar a Disney e a Lucasfilm a tribunal.

De acordo com a THR, Gina Carano está a processar a Disney e a Lucasfilm por discriminação e rescisão injusta, devido ao seu despedimento em 2021 após uma série de publicações controversas nas redes sociais. A queixa foi formalmente apresentada na terça-feira no tribunal de justiça federal da Califórnia, e Elon Musk está a financiar o processo da antiga atriz Mandaloriana.

Isto vem no seguimento de uma promessa anterior feita por Musk de que pagaria os honorários legais dos utilizadores do X que alegassem ter sido discriminados devido a publicações feitas na plataforma de redes sociais. O envolvimento de Musk foi confirmado numa declaração partilhada por Joe Benarroch, o chefe das operações comerciais da X.

Relacionado


“Como sinal do compromisso da X Corp com a liberdade de expressão, temos o orgulho de apoiar financeiramente o processo de Gina Carano, dando-lhe o poder de reivindicar os seus direitos de liberdade de expressão no X e a capacidade de trabalhar sem bullying, assédio ou discriminação”, lê-se na declaração.

Carano partilhou a sua própria declaração em resposta, acrescentando: “Sinto-me honrada por o meu caso ter sido escolhido para ser apoiado pela empresa que tem sido um dos últimos vislumbres de esperança para a liberdade de expressão no mundo.”

loja pub deadpool

A ação judicial alega que a Disney e a Lucasfilm “assediaram e difamaram Carano por esta se recusar a aceitar os seus pontos de vista sobre questões relacionadas com o Black Lives Matter, pronomes preferidos e alegações infundadas de interferência eleitoral”.

Carano argumenta ainda que os seus colegas masculinos de The Mandalorian não sofreram quaisquer consequências por partilharem publicações nas redes sociais que eram ofensivas para os conservadores. Um exemplo citado é um post feito por Pedro Pascal em 2017 comparando o ex-presidente dos EUA, Donald Trump, a Adolf Hitler.

Segue o Canal Youtube

ESPOSA de LUKE SKYWALKER fará estreia live-action em STAR WARS? Eis como!

Além disso, Carano alega que foi obrigada a reunir-se com um representante da Gay & Lesbian Alliance Against Discrimination e a apresentar um pedido de desculpas público, que recusou, o que levou ao seu despedimento.

“Os arguidos chegaram ao ponto de tentar convencer o publicista de Carano a forçá-la a emitir uma declaração admitindo ter gozado ou insultado um grupo inteiro de pessoas, o que Carano nunca tinha feito”, lê-se na queixa, que acrescenta que Carano também se recusou a reunir-se com Kathleen Kennedy, da Lucasfilm, e com 45 empregados que se identificam como LGBTQ+ antes da rescisão.

Gina Carano quer forçar a Disney a dar-lhe de volta o papel de Cara Dune

Afirma ainda que a “campanha de difamação pós-despedimento” da Disney levou a que a sua agência de talentos e o seu advogado transacional a abandonassem como cliente. Como resultado, Gina Carano está a pedir pelo menos 75.000 dólares, juntamente com danos punitivos, alegando despedimento indevido e discriminação sexual. O processo também pede que a Lucasfilm a “recoloque” no papel de Cara Dune, revelando o desejo de Carano de voltar à franquia Star Wars.

“Alguns de nós foram injustamente escolhidos, assediados, perseguidos e perderam o seu sustento porque ousaram encorajar a conversa, fizeram perguntas e recusaram-se a alinhar com a máfia”, disse Carano numa declaração recentemente divulgada sobre o motivo pelo qual o seu despedimento foi injusto.


Se quiseres falar sobre qualquer coisa geek, podes falar comigo, através do twitter ou Instagram ou Facebook do Tretas do Cromo, sobre isto ou qualquer coisa sobre a DC, Marvel, Star Wars, The Witcher e mais temas geeks.

Youtube

Espreita também o Canal Youtube do Tretas do Cromo, e não percas nenhuma análise ou notícia sobre tudo que envolve o mundo geek.

Considera apoiar o jornalismo presente no site

Considera apoiar o trabalho feito no site, para que possa trazer mais conteúdo e de melhor qualidade, cada vez mais. Espreita uma das seguintes opções:

Obrigado pelo apoio.

SenhorPM

Geek a tempo inteiro, PM é o fundador do projeto Tretas do Cromo. Podes segui-lo no Instagram em @senhor_pm, no twitter em @senhor_pm ou no facebook em @senhorpm.

Deixe um comentário